Berlusconi brinca e diz que dará direito a voto a crianças

Portal Terra

L'AQUILA, ITÁLIA - Durante uma visita a uma escola da cidade de L'Aquila, devastada por um terremoto no ano passado, o premiê italiano, Silvio Berlusconi, brincou com os alunos dizendo que vai dar direito a voto a todas as crianças acima de 5 anos de idade, informou nesta terça-feira a agência Ansa.

"Vocês consideram o senhor Silvio Berlusconi um bom presidente do Conselho de Ministros? Então daremos o direito ao voto também às crianças acima de cinco anos", comentou o chefe de Governo ao passar pelas crianças que almoçavam no refeitório do colégio.

Na instituição de ensino construída pela Defesa Civil após o terremoto, Berlusconi prometeu enviar 2 mil livros para que seja montada uma nova biblioteca, já que antiga desmoronou devido ao tremor de terra de 5,8 graus na escala Richter.

"Digam aos seus pais e às suas mães que o presidente do Conselho de Ministros veio aqui e mandará à diretora da escola muitos livros bons, porque sei que vocês perderam a sua biblioteca de 4,5 mil livros", ressaltou o premiê.

Segundo a Ansa, durante sua visita à escola Mariele Ventre, Berlusconi cumprimentou os professores, tirou fotos com as crianças e perguntou a todos se torciam para o Milan, clube do qual é proprietário.

"Desejo que todos os sonhos que seus pais têm no coração para vocês se realizem", disse ainda o premier, aconselhando os alunos a estudarem "muito, porque só assim é possível se tornar o que se sonha".

Antes de ir embora, Berlusconi recebeu de jovens que o esperavam fora da escola uma camiseta com a estampa: L'Aquila com Silvio. Em seguida, um habitante local agradeceu pelos trabalhos de reconstrução da cidade. "Obrigado por tudo que fez por nós, garantindo-nos um terremoto de luxo", disse.