Chávez reitera apoio a Ahmadinejad

Agência ANSA

CARACAS - O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, reiterou sua solidariedade ao presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, e qualificou a onda de protestos desta semana contra suposta fraude eleitoral como um 'ataque do capitalismo mundial'.

Chávez disse que conversou com Ahmadinejad e expressou seu apoio. Segundo o chefe de Estado venezuelano, o presidente iraniano teria dito para ele não se preocupar, pois ele sairia bem desta situação de crise.

O presidente venezuelano fez o comentário durante seu novo programa noturno de rádio e televisão 'Alô presidente teórico'.

Na terça-feira, o governo venezuelano emitiu um comunicado no qual criticou o que considera como uma "feroz e infundada campanha de descrédito" contra o Irã e exigiu o fim dos "atos de ingerência nos assuntos internos" do país.

Estados Unidos e outros paíse europeus questionaram os resultados eleitorais que deram a vitória e a reeleição a Ahmadinejad e que foram denunciados como fraudulentos pelo candidato derrotado Mir Hussein Mussavi.