Uruguai: prefeitos ibero-americanos discutem segurança pública

Agência ANSA

MONTEVIDÉU - Prefeitos e representantes municipais da América Latina, Portugal e Espanha discutem em Montevidéu temas de segurança pública e exclusão social, em um congresso organizado pela União Ibero-americana de Prefeitos.

Mais de 500 prefeitos se reúnem desde ontem para trocar experiências de trabalho realizadas em suas cidades. Participam do fórum representantes de cidades da Espanha, Argentina, Peru, Brasil Venezuela, Chile, México, Cuba, Nicarágua, Colômbia, Bolívia, entre outros países.

O congresso será realizado até a quinta-feira. A União Ibero-americana de Prefeitos foi criada em 1990, com o objetivo de promover o desenvolvimento das cidades, por meio das relações de cooperação e intercâmbio entre municípios, trabalhadores das administrações locais e especialistas.

Já foram realizados encontros da instituição em Granada (Espanha), Cartagena (Colômbia), Cuernavaca (México), Córdoba (Argentina), Baeza (Espanha), Santo Domingo (República Dominicana) e Antigua (Guatemala).