Papa chega a Camarões

Agência ANSA

IOUNDÊ - O Boeing 777 da companhia italiana Alitalia, que leva o papa Bento XVI à África, aterrissou na capital camaronesa, Ioundê, para o início da viagem papal ao continente, que tem início nesta terça-feira e vai até o próximo dia 23.

O papa partiu às 10h20 locais (6h de Brasília) rumo a Camarões, primeira escala de sua viagem, que passará também pela Angola.

Em Iaundê, o papa se reunirá com representantes da Igreja católica, muçulmanos e enfermos, entre eles, portadores do vírus HIV. Dos 33 milhões de portadores de Aids no mundo, 27 milhões vivem na África, onde a Igreja católica trabalha ativamente na assistência e na prevenção da doença na região.

Amanhã, o pontífice se reunirá com o presidente do país, Paul Biya, e com bispos católicos. Também está agendado um encontro com representantes islâmicos e a celebração de uma missa no estádio Ahmadou Ahidjo, em ocasião da publicação do Instrumentum laboris do Sínodo para a África.

No dia 19, o papa será recebido por representantes da comunidade muçulmana camaronesa e, depois de uma missa, visitará o centro de desabrigados local. No mesmo dia, se reunirá com membros do Conselho Especial para a África do Sínodo dos Bispos.

No dia 20, partirá para a Angola, aonde chegará às 12h45 locais, segundo a programação oficial. Em Luanda, o papa encontrará o presidente angolano, José Eduardo dos Santos; autoridades políticas, civis e bispos de Angola e São Tomé e Príncipe. Também se reunirá com jovens africanos.

No domingo, dia 22, celebrará o Angelus na Esplanada de Cimangola, e no dia seguinte, 23, após uma missa e uma cerimônia de despedida, o papa retornará à Itália, com previsão de chegada em Roma às 18h (14h de Brasília).