Prédio na Alemanha desaba e nove ficam desaparecidos

REUTERS

COLÔNIA - O edifício que abriga o arquivo histórico da cidade de Colônia, na Alemanha, com milhares de documentos, desmoronou nesta terça-feira, ferindo pelo menos uma pessoa e possivelmente soterrando outras. O serviço de bombeiros disse que nove pessoas estão desaparecidas depois do desabamento do arquivo histórico da cidade e de dois prédios vizinhos. Mais de 200 pessoas da equipe de resgate fazem buscas no local e cães farejadores procuram sobreviventes.

Trabalhadores e visitantes do arquivo conseguiram escapar a tempo depois que o prédio, de 1970, começou a fazer sons estranhos, disseram autoridades. A mídia alemã disse que o desmoronamento pode ter sido causado devido a uma descarga elétrica na linha subterrânea do trem, apesar das autoridades não terem confirmado esta versão. Os prédios ao redor estão sendo desocupados.

O serviço de bombeiros disse que pelo menos uma pessoa está ferida. Uma testemunha descreveu como viu uma rachadura aparecendo na fachada do edifício, que foi se expandindo cada vez mais antes do prédio se transformar em uma nuvem de poeira.

- Foi como em um filme pavoroso - disse ela à emissora n-tv.

O prédio é um dos maiores edifícios de arquivo da Alemanha. Entre os 65 mil documentos, estão alguns com mais de 1.000 anos. O arquivo também abriga milhões de fotos que registram a vida em Colônia.