Pentágono pede redução do isolamento em Guantánamo

Agência AFP

WASHINGTON - O Pentágono divulgou um relatório, nesta segunda-feira, sugerindo que o isolamento dos detentos na prisão americana de Guantánamo seja reduzido, e pedindo que o governo resolva rapidamente a transferência de 17 chineses uigures, que, por decisão judicial, não podem ser libertados nos Estados Unidos.

No documento, o Pentágono aconselha modificações em alguns procedimentos de detenção na base de Guantánamo, como reduzir o isolamento dos presos e permitir que eles tenham mais atividades e interação social.

Além disso, o Pentágono pede que seja resolvida, o mais rápido possível, a situação dos chineses uigures, já que a incerteza sobre sua libertação 'aumentou a tensão e a ansiedade na comunidade de prisioneiros'.