Papa recebe embaixador e dedica mensagem ao povo brasileiro

Agência ANSA

CIDADE DO VATICANO - O papa Bento XVI alertou nesta segunda-feira, ao receber as credenciais do embaixador brasileiro na Santa Sé, sobre o 'perigo do consumismo e do hedonismo' que, assim como a pobreza material, 'tornam vulnerável a estrutura da sociedade e da família brasileira'.

Ao receber as credenciais do embaixador brasileiro Luiz Felipe Seixas Correa, o pontífice dedicou uma mensagem ao povo brasileiro e ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Em seu discurso, Bento XVI pediu o fortalecimento de uma 'maior justiça social' e insistiu na urgência de uma 'sólida formação moral', argumentando que, além da pobreza material, 'incide de maneira relevante a pobreza moral', com 'o perigo do consumismo e do hedonismo', que 'tornam vulnerável a estrutura da sociedade e da família brasileira'.

Por outro lado, celebrou o recente acordo firmado entre a Santa Sé o governo brasileiro, que regulamenta o estatuto jurídico da Igreja Católica no Brasil, e dedicou uma mensagem direcionada ao presidente Lula, afirmando ter constatado com alegria 'a convergência dos princípios, tanto da Sede Apostólica quanto do seu governo, no que diz respeito às ameaças à paz mundial'.

- O recente conflito no Oriente Médio prova a necessidade de apoiar todas as iniciativas destinadas a resolver pacificamente as divergências, e faço votos de que o vosso governo prossiga nesta direção -continuou o pontifice a Lula.

O papa também aproveitou a ocasião para fazer um apelo contra o aborto e contra a eutanásia, tema que está no centro das atenções da Itália com o caso de Eluana Englaro, recordando a importância da defesa dos valores humanos.

- Sobretudo quando se trata de reconhecer de maneira explícita a santidade da vida familiar e a salvaguarda do nascituro, desde o momento da sua concepção até seu término natural - afirmou Joseph Ratzinger.

Além de recordar a visita de Lula ao Vaticano, em 13 de novembro de 2008, o pontífice também relembrou em seu discurso sua passagem pelo Brasil em 2007, quando realizou algumas atividades, entre as quais a abertura da 5ª Conferência Geral do Episcopado Latino-americano e do Caribe, em Aparecida.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais