Republicanos elegem presidente negro

Jornal do Brasil

WASHINGTON - O Partido Republicano dos EUA elegeu pela primeira vez um negro como presidente. Michael Steele, ex-vice-governador de Maryland, terá a missão de comandar a recuperação do partido depois de devastadoras derrotas eleitorais.

Steele, de 50 anos, é visto como um hábil orador, que seria capaz de levar a mensagem do partido aos eleitores negros, hispânicos e suburbanos, que rejeitaram os republicanos nos últimos anos.

O novo dirigente da legenda argumentava que, sendo uma personalidade republicana em um Estado fortemente democrata, está habituado a falar a eleitores que não sejam apenas os do Sul do país, tradicional reduto do partido.

Como presidente do Comitê Nacional Republicano, Steele terá de buscar uma forma de se contrapor ao democrata Barack Obama, primeiro presidente negro dos EUA, e também aos líderes democratas que controlam ambas as casas do Congresso.

Mike Duncan, atual presidente republicano, foi escolhido em 2007 por George Bush, e pretendia permanecer no posto, mas desistiu quando percebeu que não teria apoio das bases.

Ex-seminarista católico e ex-advogado empresarial, Steele promete correr atrás dos democratas também na questão digital, já que a campanha de Obama demonstrou a grande capacidade do partido rival em angariar dinheiro e voluntários pela internet.

O Partido Democrata americano elegeu o seu primeiro presidente negro, Ron Brown, no ano de 1989.