Hillary diz que Washington abrirá a porta nas relações com o Irã

Agência AFP

WASHINGTON - A futura secretária de Estado americana Hillary Clinton declarou nesta terça-feira no Congresso que a nova administração americana tentará abrir relações com o Irã para tentar uma nova aproximação.

- Buscaremos uma nova, talvez diferente, aproximaçao com o Irã e adotaremos uma atitude em relação ao diálogo que talvez dê frutos - afirmou a ex-primeira-dama.

Os Estados Unidos e outras potências ocidentais tentam fazer com que o Irã suspenda seu programa nuclear, suspeito de ter fins bélicos, algo que Teerã nega.

- Não temos qualquer ilusão, e sabemos que, inclusive, para um novo governo, tentar inaugurar o diálogo para tentar influenciar seu comportamento é algo cujo resultado é difícil de prever. Mas o presidente se comprometeu com esta política e nós assim o faremos - afirmou ainda Hillary que, quando era candidata à presidência, expressou suas dúvida sobre as intenções de Obama de dialogar com o Irã sem condições prévias.