Ex-presidente de Taiwan deve voltar para a prisão

Portal Terra

PEQUIM - O Tribunal Distrital de Taipei decidiu nesta terça pela manhã que o ex-presidente de Taiwan, Chen Shui-bian, deverá ser detido novamente. O veredicto foi dado depois de 12 horas de audiência, que começou na tarde de ontem.

Chen voltou a ser detido hoje às 3h50 da manhã e a corte permitiu que ele se encontrasse com seu advogado e sua família.

Chen e sua mulher foram acusados de desviar US$ 3,15 milhões de fundos públicos e de receber subornos no valor de US$ 9 milhões em um negócio de compra de terra.

As informações são da Agência Xinhua