Guiné: líder do golpe militar diz que é o novo presidente

Agência AFP

CONACRI - O líder do golpe de Estado na Guiné após a morte do presidente Lansana Conté, capitão Musa Dadis Camara, afirmou nesta quarta-feira que é "o novo presidente da República".

- Estou convencido de que sou o presidente da República, o presidente do Conselho Nacional para a Democracia e o Desenvolvimento (CNDD, junta) - declarou o capitão Camara em sua primeira entrevista coletiva.

- O grande apoio que recebi, do âmbito militar ao Palácio Presidencial, fala por si só - destacou o capitão do campo Alfa Yaya de Conacri, a maior instalação militar do país.