China sentencia vice-prefeito a 12,5 anos por suborno

Portal Terra

PEQUIM - O vice-prefeito da cidade de Shaoxing, na província de Zhejiang, no leste da China, Xie Weixing, foi condenado a 12 anos e meio de prisão por receber suborno em um escândalo de venda de terras, informou terça-feira um tribunal local em seu primeiro julgamento.

Xie aceitou aproximadamente 1,2 milhão de yuans (US$ 177 mil) em troca de aprovar projetos de moradia e de promover funcionários entre 1996 e o 2008, informou o Tribunal Popular Intermediário da cidade de Ningbo.

Xie, 53 anos de idade, foi detido pelo Departamento Provincial de Segurança Pública de Zhejiang em setembro. O acusado ocupava o cargo de secretário do partido no distrito de Xinchang e foi promovido a vice-prefeito de Shaoxing em 2003.

Ele desempenhou um papel chave para assegurar que o Grupo Fengdao de Xinchang, uma companhia líder local, ganhasse a licitação de uma área de quase 90 mil metros quadrados de terras agrícolas, disse o tribunal. O Grupo Fengdao iniciou o desenvolvimento dos imóveis depois da licitação.

Xie não apresentou nenhuma apelação até o momento.