Com dor no ombro, Bush faz ressonância

REUTERS

WASHINGTON - O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, submeteu-se a uma ressonância magnética para investigar a causa de uma dor no ombro esquerdo, disse seu porta-voz Gordon Johndroe na segunda-feira.

Richard Tubb, médico pessoal do presidente, disse que se trata - provavelmente apenas de um pouco de desgaste de um indivíduo ativo - segundo relato do porta-voz. O resultado do exame deve sair em breve.

Johndroe disse que a dor não afetou a agenda do presidente, que inclusive andou de bicicleta no fim de semana.

A ressonância foi feita no Centro Médico do Exército Walter Reed, em Washington, onde ele também visitou pacientes que serviram nas guerras do Iraque e Afeganistão.