Polícia italiana desmonta rede internacional do narcotráfico

Agência ANSA

ROMA - A polícia italiana desmantelou uma rede internacional de tráfico de cocaína que trazia para a província de Siena a droga importada de países da América Latina, em particular da Colômbia.

Três colombianos e um peruano foram detidos, enquanto outro colombiano e um italiano foram presos e liberados em seguida. A polícia informou ainda que investiga outras cinco pessoas. Na operação, foi apreendido um quilo e meio de cocaína.

Segundo as investigações, os traficantes seriam quase todos colombianos e teriam importado a droga para Siena, onde controlariam o tráfico.

O líder do esquema de importação de entorpecentes seria um dos colombianos detidos, de 37 anos, que mora em Siena.

O acusado supostamente planejou da Itália uma tentativa de homicídio na Colômbia de dois traficantes, que teriam oferecido droga a seus filhos, de 15 e 16 anos, na escola.

O chefe do grupo não teve sucesso em seu plano porque a polícia colombiana, advertida pela Interpol, colocou sob tutela os dois jovens traficantes que seriam assassinados.