EUA prendem segundo jornalista iraquiano em dois dias

REUTERS

BAGDÁ - As Forças Armadas dos Estados Unidos prenderam nesta quinta-feira um cinegrafista iraquiano, dois dias depois de um fotógrafo freelance que trabalha para a agência Reuters também ter sido preso.

Os soldados dos EUA tiraram Omar Hashem, funcionário de um canal de TV de Bagdá, mais o pai e dois irmãos dele de sua casa, no distrito de Adhamiya. As Forças Armadas dos EUA confirmaram a detenção do jornalista, mas não mencionaram o nome de Hashem.

Imagens de TV mostraram a casa de Hashem revirada depois de a família dele ter dito que soldados haviam feito uma busca no local.