Veterano Joe Biden terá prova de fogo na convenção democrata

Agência AFP

WASHINGTON - Candidato à Vice-Presidência dos Estados Unidos, Joseph Biden deve pronunciar nesta quarta-feira um discurso considerado crucial durante a convenção democrata de Denver (Colorado, oeste dos EUA), com a difícil missão de não deixar o ex-presidente Bill Clinton roubar os holofotes.

Encarregado de trazer sua experiência, mas também sua franqueza, à campanha do candidato democrata à Casa Branca Barack Obama, o veterano Joe Biden deve pôr à prova seus talentos de orador na noite desta quarta-feira.

Biden é conhecido por sua franqueza e suas gafes. Durante a campanha das primárias, ele disse por exemplo que o então candidato à indicação republicana Rudolph Giuliany era incapaz de utilizar outra coisa que "um nome, um verbo e as palavras '11 de Setembro' em uma frase".

Esta animosidade será bem-vinda, num momento em que a equipe de campanha do candidato republicano John McCain adotou nas últimas semanas um tom negativo contra Obama, disparando várias flechas contra o senador de Illinois. Nesta quarta-feira, os republicanos lançaram um novo clipe eleitoral criticando Obama por minimizar a ameaça iraniana, utilizando frases pronunciadas fora do contexto pelo próprio candidato democrata.

- Chegou a hora de Biden em Denver - afirmou nesta quarta-feira na manchete o jornal político Roll Call.

- Joe Biden trabalhou com John McCain, e conhece John McCain. Ele pode, portanto, explicar porque o senador de Arizona já não é mais o franco atirador independente que costumava ser - declarou Debbie Stabenow, uma senadora de Michigan próxima ao presidente da comissão das Relações Exteriores do Senado.

- Ele vai pronunciar um discurso forte - avisou um conselheiro do senador de Delaware.