Caminhões formam filas para descarregar grãos na Argentina

REUTERS

BUENOS AIRES - Centenas de caminhões formavam filas quilométricas nsta quarta-feira para descarregar grãos no maior porto agrícola da Argentina, aproveitando a trégua entre o governo e os produtores rurais em uma disputa por causa dos impostos sobre as exportações.

As estradas próximas da cidade de Rosario estão abarrotadas de veículos carregados principalmente com soja. Os turnos de descarregamento foram reforçados, mas o terminal está transbordando e os caminhoneiros esperam por horas.

- Cheguei ontem por volta das 6h da manhã e já havia uma fila enorme. Queremos que nos escutem porque temos muito capital aí em cima e é uma loucura ficar na estrada - disse o motorista de um caminhão à televisão local.

O setor agropecuário resistiu a uma alta nos impostos sobre as exportações de grãos aplicada em março pelo governo, e foram realizadas quatro paralisações que prejudicaram a venda de grãos, além de bloqueios em estradas de todo o país, que causaram problemas de abastecimento.

No fim de semana passado foi suspensa a última paralisação, quando a presidente Cristina Fernández de Kirchner decidiu enviar um projeto de lei ao Congresso para ratificar ou rechaçar a polêmica medida sobre os impostos.