Paquistão: Al-Qaeda pode ter relação com atentado

Portal Terra

ISLAMABAD, PAQUISTÃO - A rede terrorista Al-Qaeda pode estar ligada ao atentado que atingiu a embaixada da Dinamarca em Islamabad, no Paquistão, nesta segunda-feira, informou o serviço de inteligência dinamarquês. Oito pessoas morreram e mais de 30 ficaram feridas, incluindo uma brasileira que trabalhava no local como contadora.

- Acreditamos que a Al-Qaeda ou algum grupo relacionado a ela esteja por trás do ataque - disse Carsten Thomsen, porta-voz do Serviço de Segurança e Inteligência da Dinamarca (PET), à CNN. Até mo momento, nenhum grupo assumiu a responsabilidade pela explosão, que derrubou o muro da embaixada e abriu um buraco na calçada.

- Nossa avaliação até agora é que um carro-bomba possa ter sido usado no ataque - disse Thomsen. - E também acreditamos que a embaixada da Dinamarca foi o alvo principal - acrescentou. O porta-voz afirmou ainda que o serviço de inteligência não descarta a possibilidade de que outros grupos sejam responsáveis pelo ato terrorista.