Resultado de consulta deve sair em até seis dias

Agência Brasil

SANTA CRUZ DE LA SIERRA - A apuração dos votos da consulta popular sobre a autonomia do estado boliviano de Santa Cruz começa ainda neste domingo e a expectativa é que o resultado seja divulgado em até seis dias.

A informação é do diretor da Corte Departamental Eleitoral de Santa Cruz, Fernando Castedo Cadario.

Segundo a corte, as seções dos 15 municípios do estado já enviaram para a capital, Santa Cruz de la Sierra, as cédulas e as atas eleitorais com seus respectivos resultados.

Parte desse material ainda está a caminho e a estimativa é que chegue até a meia-noite de hoje (1h no horário de Brasília). Os últimos resultados a serem entregues devem ser os do bairro Plan Tres Mil, que fica na capital, onde ocorreram os conflitos mais violentos de hoje.

Embora a consulta tenha sido tranqüila na maior parte das localidades, brigas entre grupos favoráveis e contrários à autonomia deixaram mais de uma dezena de feridos. A Força Nacional ainda não tem o número exato de quantas pessoas se feriram durante a consulta.

Três mil homens da Força Nacional fizeram o policiamento na capital do estado. Só no bairro Plan Tres Mil, foram necessários cerca de 500 policiais para conter a violência. Inicialmente, chegou-se a divulgar que uma pessoa teria morrido em conseqüência dos confrontos. Mas o médico forense Celso Cuellar descartou a possibilidade de que o estivador Benjamin Ticona Machaca, 69 anos, tenha morrido por causa dos conflitos.

- Ele morreu de causa natural - disse o médico.

Machaca morava no Plan Tres Mil há dois anos e, ainda segundo o médico, estava doente há algum tempo e apresentava febre ao dar entrada no hospital. Ao examinar o corpo, funcionários do necrotério constataram que a vítima tinha inflamação no fígado.