Morre Sotelo, ex-chefe de governo espanhol

Agência AFP

MADRI - O ex-chefe de governo espanhol, Leopoldo Calvo Sotelo (1981-1982), faleceu neste sábado em Madri aos 82 anos, anunciou a mídia local.

Calvo Sotelo dirigiu o governo durante quase dois anos, entre fevereiro de 1981 e dezembro de 1982, substituindo Adolfo Suárez, que havia deixado o cargo após desempenhar papel chave na transição democrática espanhola, que se seguiu à morte do ditador Francisco Franco, em 1975.

Sua eleição pelos parlamentares espanhóis, em 23 de fevereiro de 1981, foi marcada por uma tentativa fracassada de golpe de Estado no Congresso dos Deputados, coordenado pelo tenente-coronel Antonio Tejero.

Calvo Sotelo foi sucedido pelo socialista Felipe González no final de 1982.