Grã-Bretanha adia retirada de tropas do Iraque

REUTERS

LONDRES - A Grã-Bretanha vai adiar os planos de retirar 1.500 soldados do Iraque, devido aos distúrbios na cidade de Basra, disse na terça-feira o Secretário de Defesa Des Browne.

- Diante dos acontecimentos da semana passada...é prudente fazer uma pausa em qualquer redução enquanto a situação se desenvolve - disse Browne no Parlamento.

- Neste estágio, pretendemos manter nossas forças nos atuais níveis, por volta de 4 mil, enquanto trabalhamos com os iraquianos e nossos parceiros na coalizão, para avaliar futuras necessidades.

A Grã-Bretanha pretendia reduzir suas tropas no Iraque a 2.500 homens 'a partir da primavera' (no hemisfério norte).