Suposto médico dos membros do comando das Farc é detido

Agência EFE

BOGOTÁ - As autoridades colombianas detiveram Elver Uriel Rodríguez Cruz, suposto médico dos integrantes do Secretariado da guerrilha das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), informaram hoje fontes judiciais.

Rodríguez Cruz, conhecido como 'O Tio' ou 'O Médico', foi apreendido na sexta-feira em uma casa do município de Mosquera (departamento de Cundinamarca, a 20 quilômetros de Bogotá), de acordo com um porta-voz do Corpo Técnico de Pesquisas da Procuradoria Geral colombiana.

A mesma fonte acrescentou que o detido, de 54 anos, acusado de rebelião, ao que tudo indica, atendeu a líderes das Farc, entre eles o fundador Pedro Antonio Marín, conhecido como 'Manuel a Marulanda'

ou 'Tirofijo', de 77 anos.

Segundo a fonte, o médico era seguido fazia mais de um ano e aparentemente participou da criação de um centro médico nas montanhas do centro colombiano no qual além de atender aos chefes guerrilheiros, também realizava abortos em rebeldes.

A Promotoria investiga se Rodríguez é o esposo de Martha Liliana Izquierdo Ossa, condenada a mais de três anos de prisão por um atentado com uma bicicleta carregada de explosivos frente a uma estação policial em Bogotá em janeiro de 2003.