Dezenas de talibãs morrem em combates com forças afegãs e da Otan

Agência EFE

CABUL - Dezenas de talibãs morreram em combates com o Exército afegão e as forças da Otan na província de Uruzgan (sul), entre eles um 'conhecido terrorista', informou hoje o Ministério de Defesa afegão em comunicado.

As tropas internacionais e afegãs lançaram no sábado uma ofensiva contra os talibãs no distrito de Deh Rawood e acabaram com a vida dos insurgentes, entre eles o mulá Hashem, segundo a nota.

A Defesa acrescentou que os soldados afegãos e da Aliança Atlântica recuperaram cerca de 40 armas, entre elas rifles convencionais e kalashnikovs.

Os combates entre as forças internacionais e afegãs e a insurgência talibã são constantes, especialmente no volátil terço meridional do Afeganistão, onde os talibãs têm maior presença.

Nas províncias sulinas de Helmand e Kandahar se dão grande parte dos confrontos.

O ano 2007 foi o mais sangrento desde o começo da operação "Liberdade Duradoura' liderada pelos Estados Unidos e se estima que umas 6.300 pessoas morreram vítimas da violência.