Raúl Castro anuncia redução dos órgãos do Estado

Agência EFE

HAVANA - O novo presidente de Cuba, Raúl Castro, anunciou neste domingo a reestruturação do Governo, que se dará a partir da redução dos órgãos do Estado e cujo objetivo é tornar sua gestão "mais eficiente'.

- Hoje é necessária uma estrutura mais compacta e funcional, com um número menor de organismos da Administração Central do Estado e uma melhor distribuição das funções - declarou Raúl Castro em seu discurso de posse na Assembléia Nacional.

A reestruturação 'permitirá uma redução na enorme quantidade de reuniões, coordenações, permissões, conciliações, disposições, regulamentos, circulares etc', acrescentou.

Raúl disse ainda que as mudanças 'ajudarão na concentração de algumas atividades econômicas decisivas, hoje dispersas em vários organismos, e na melhor utilização dos quadros' do Governo.

O general também afirmou que a Assembléia concordou em estudar a composição do Governo 'numa futura sessão ao longo do presente ano', não para fazer nomeações, mas para realizar mudanças necessárias.

- Em resumo, temos que tornar mais eficiente a gestão de nosso Governo - disse.

Em seguida, Raúl declarou que seu Governo terá como prioridade "satisfazer às necessidades básicas da população, tanto materiais como espirituais, partindo do fortalecimento do crescimento sustentado da economia'.