Assembléia Parlamentar da OSCE desiste de observar eleições russas

Agência EFE

VIENA - A Assembléia Parlamentar da Organização para a Segurança e a Cooperação na Europa (OSCE) anunciou nesta quinta-feira que não supervisionará as eleições presidenciais russas de 2 de março em protesto aos obstáculos impostos ao trabalho dos observadores.

- Lamentamos que as circunstâncias nos impeçam de observar estas eleições - disse o secretário-geral da Assembléia Parlamentar, Spencer Oliver, ao anunciar que a organização não enviaria observadores parlamentares.