FBI investiga empresas por fraude na crise hipotecária dos EUA

Agência AFP

WASHINGTON - O FBI abriu investigações contra 14 empresas, dentro de uma ampla operação para analisar a crise dos créditos "subprime", principalmente por fraudes e por informação privilegiada, revelou o "Wall Street Journal", nesta terça-feira, em sua edição on-line.

O FBI não disse quais empresas estão sob suspeita, mas destacou que investigará denúncias de fraude na titularização dos créditos hipotecários, que abarcava vários níveis, desde os profissionais que concederam os créditos até os bancos que estão em poder desses papéis, completou o jornal.

Os investigadores também se interessam pelos livros de contabilidade de certas empresas financeiras que se viram forçadas à quebra pela crise dos créditos "subprime" (empréstimos hipotecários de risco), para encontrar pistas de crimes de informação privilegiada, segundo o WSJ.