Polícia detém um dos maiores doadores da campanha de Barack Obama

Agência EFE

CHICAGO - O empresário Antoin Rezko, um dos maiores patrocinadores do pré-candidato democrata à Casa Branca Barack Obama, foi detido nesta segunda-feira em Chicago por violar os termos de sua liberdade condicional.

Rezko, empresário que fez fortuna nos ramos da gastronomia e imobiliário, foi detido em sua residência na cidade de Wilmette, nos arredores de Chicago.

Rezko se declarou recentemente inocente das acusações de fraude, tentativa de extorsão e lavagem de dinheiro. Espera-se que seu julgamento comece em 25 de fevereiro.

Rezko arrecadou quantias milionárias a favor de Obama. Após as acusações contra o empresário, no entanto, o senador por Illinois decidiu se distanciar dele.

Em um recente debate realizado na Carolina do Sul, a senadora por Nova York e também pré-candidata Hillary Clinton disse que ao longo de sua vida lutou contra as idéias dos republicanos, enquanto Obama "praticava a advocacia e representava Rezko em seu negócio de aluguel de casas não habitáveis na pior parte de Chicago".