Néstor Kirchner integrará missão para a libertação de reféns das Farc

Agência EFE

BUENOS AIRES - O ex-presidente da Argentina Néstor Kirchner (2003-2007) vai representar seu país na missão humanitária para a libertação de três reféns das Forças Armadas Revolucionárias (Farc), anunciou hoje o Governo da Argentina.

Kirchner e o ministro das Relações Exteriores da Argentina, Jorge Taiana, devem viajar amanhã para a Colômbia.