Libertação de reféns das Farc pode acontecer na 5a, diz Equador

REUTERS

QUITO - As Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) poderão libertar na quinta-feira três reféns que estão em seu poder, revelou um membro da comissão internacional que vai monitorar a operação liderada pelo presidente da Venezuela, Hugo Chávez.

'Viajaremos até a Colômbia amanhã (quinta-feira) de manhã. Esperamos chegar ao local da troca amanhã mesmo, e poder na noite de amanhã entregar os reféns a suas famílias em Bogotá, Colômbia', disse nesta quarta-feira Gustavo Larrea, representante do Equador na comissão da libertação.