ONU conclui processo de verificação do desarmamento maoísta no Nepal

Agência EFE

KATMANDU - A missão da ONU no Nepal anunciou neste sábado a conclusão do processo de verificação do desarmamento dos guerrilheiros maoístas, previsto no acordo de paz de novembro de 2006.

Em comunicado, a missão da ONU no Nepal (Unmin) informou que apresentará em breve um relatório com seus resultados aos partidos signatários do acordo, que se encontra estagnado pela exigência maoísta de abolição imediata da Monarquia no país.

O desarmamento dos guerrilheiros começou no início deste ano, e levou a ONU a efetuar listas provisórias com mais de 30 mil nomes.

Segundo o acordo de paz, os antigos membros da guerrilha maoísta devem ser integrados ao Exército nepalês, enquanto os guerrilheiros com menos de 18 anos e os recrutados após o acordo de cessar-fogo de maio de 2006 deverão retornar à vida civil.

A missão da ONU reiterou neste sábado ao Governo e aos ex-guerrilheiros que ainda tem que tomar as decisões pertinentes para que se cumpra o acordo de paz.