Ortega pede desculpas por não ir à posse de Cristina Kirchner

Agência EFE

MANÁGUA - O presidente da Nicarágua, Daniel Ortega, disse na última sexta-feira que não assistirá à cerimônia de posse da presidente eleita da Argentina, Cristina Fernández de Kirchner, que assumirá o cargo dia 10, e pediu desculpas a ela e seu marido, o atual governante Néstor Kirchner.

Ortega disse em entrevista coletiva em Manágua que no dia da posse vai se reunir com representantes da companhia petrolífera americana Esso na busca de um acordo sobre a importação de petróleo.

O líder sandinista enviou saudações a Cristina e a Néstor Kirchner e lamentou não comparecer à posse.