EUA e Rússia agendam reunião para discutir sobre escudo antimísseis

Agência EFE

WASHINGTON - Estados Unidos e Rússia discutirão, na próxima quinta-feira, em Budapeste, na Hungria, o projeto americano de levantar um escudo antimísseis na Europa, informou hoje em comunicado o Departamento de Estado americano. Segundo o comunicado, a reunião terá a participação de altos funcionários dos dois países.

- Os Estados Unidos continuarão falando de suas idéias e propostas para a cooperação defensiva de mísseis russo-americano e em matéria de radares, para monitorar conjuntamente as ameaças balísticas lançadas do Oriente Médio - acrescentou o Departamento de Estado americano.

No fim de novembro, Washington enviou a Moscou um pacote de documentos com suas novas propostas de compromisso para suavizar a oposição da Rússia ao escudo.

O ministro de Assuntos Exteriores russo, Serguei Lavrov, qualificou no dia 28 de novembro de 'passo atrás' a última proposta dos Estados Unidos sobre o escudo antimísseis, já que não previa garantias de que este não representará uma ameaça direta à segurança russa.

- O que recebemos por escrito é decepcionante. A proposta americana é um passo atrás - assegurou.

A Rússia considera como uma 'ameaça direta para sua segurança' os planos americanos de instalar um radar na República Tcheca e uma base de interceptores de mísseis na Polônia.