Gilberto Gil chega ao Equador para visita oficial

Agência AFP

BOGOTÁ - O ministro brasileiro da Cultura, Gilberto Gil, iniciou nesta terça-feira uma visita oficial de dois dias ao Equador, onde será condecorado pelo presidente Rafael Correa.

Gil, que chegou procedente de Bogotá, deu uma conferência sobre cultura e desenvolvimento na Fundação Guayasamín, onde está sendo criado um moderno museu concebido pelo finado pintor Oswaldo Guayasamín, antes de ser homenageado por seu colega equatoriano, Antonio Preciado, durante um ato que reuniu diversos músicos equatorianos.

Nesta quarta-feira, Gil será declarado hóspede ilustre pelo prefeito de Quito, Paco Moncayo, e firmará com Preciado o chamado Programa Executivo Cultural Brasil-Equador.

Este acordo "fortalecerá os laços de irmandade e cooperação entre as duas nações", ressaltou o ministério equatoriano da Cultura.

Finalmente, Gil receberá a Ordem Nacional ao Mérito, no grau de Oficial, das mãos do presidente Rafael Correa, em cerimônia no Palácio de Carondelet, sede do governo.