Trabalhistas passam conservadores em pesquisa de voto no R.Unido

Agência EFE

LONDRES - O Partido Trabalhista, do primeiro-ministro do Reino Unido, Gordon Brown, voltou a ficar na frente do Conservador na preferência do eleitorado britânico, segundo uma pesquisa de intenção de voto divulgada hoje e que revela, no entanto, que a vantagem é de apenas um ponto percentual entre ambos.

A nova enquete, elaborada pela empresa Ipsos MORI para o dominical 'The Observer', indica que, caso o pleito fosse realizado hoje, 41% dos eleitores apoiariam os trabalhistas, frente a 40% que apostariam nos 'tories'.

A pesquisa revela também que os líderes trabalhista - Brown - e conservador - David Cameron - obtêm praticamente os mesmos níveis de aprovação por parte dos eleitores, já que enquanto 37% se mostram satisfeitos com Brown, 36% afirmam sentir o mesmo com relação a Cameron.

Participaram da enquete da Ipsos MORI 1.987 pessoas, entrevistadas entre os últimos dias 18 e 23.