Caso Madeleine: pais contratam equipe para refutar DNA

Portal Terra

LONDRES - Os pais da menina britânica Madeleine McCann, desaparecida desde o dia 3 de maio em Portugal, contrataram seu próprio especialista em investigações forenses para refutar as alegações da polícia portuguesa de que novas análises de DNA os relacionam ao desaparecimento da criança.

A empresa Kingsley Napley, uma das principais firmas de advocacia no Reino Unido, trouxe sua própria equipe de investigação após a divulgação da descoberta de evidências no apartamento da Praia da Luz e no carro alugado 25 dias depois do desaparecimento, segundo o jornal Daily Mail.

Os McCanns alegam que o DNA encontrado no carro Renault pode ter sido inocentemente ter vindo das roupas de Madeleine transportadas no veículo.