Tufão atinge Taiwan e China fica em alerta

REUTERS

PEQUIM - O tufão Krosa atingiu Taiwan no sábado, com fortes ventos e pesadas chuvas cortando a energia e provocando o cancelamento de vôos, enquanto a China continental se preparava para o que chamou de sério impacto.

Autoridades da China ordenaram que as províncias de Zhejiang e Fujian solicitassem a 27 mil barcos de pescadores que voltassem a um lugar seguro, segundo a agência oficial de notícias Xinhua.

Em Taiwan, autoridades disseram que a tempestade provocou o fechamento de escolas e comércio ao norte do país.

"O vento é tremendo e a energia caiu", disse Chuang Min-hsiang, de Taitung. "Estamos todos em casa trabalhando para nos proteger do tufão."

Um funcionário do aeroporto Kaohsiung, em Taipé, disse que mais de 10 vôos internacionais foram cancelados no sábado. O porto em Keelung, principal no norte de Taiwan, foi fechado.

O sistema britânico de monitoramento de tempestades (https://tsr.mssl.ucl.ac.uk/) classificou o tufão Krosa como categoria 4.

A expectativa é que o tufão reduza sua força para a categoria 3 no início do domingo e para a categoria 2 ainda no mesmo dia, quando espera-se que ele atinja a província chinesa de Zhejiang, antes de rumar para Fukuoka, mais ao norte.

Os tufões atingem a China, Taiwan, Filipinas e Japão regularmente de agosto até o final do ano, ganhando força com as águas quentes do Pacífico antes de enfraquecerem em terra.