Coréia do Norte diz que revelará verdade sobre programa nuclear

REUTERS

CORÉIA DO NORTE - A Coréia do Norte está preparada para abrir caminho para um inventário completo de seu programa nuclear por um acordo de desarmamento alcançado envolvendo seis países, disse neste sábado um enviado atômico.

Dois dias de conversas sobre como continuar com o desarmamento terminaram na sexta-feira na capital da província chinesa de Liaoning, Shenyang, onde o enviado dos Estados Unidos disse que são necessárias mais negociações para se definir os pontos-chave.

- Vamos ser transparentes na revelação de todo o programa nuclear e equipamento nuclear - disse a repórteres na China Ri Kun, funcionário do ministério de Relações Exteriores da Coréia do Norte, segundo citou a agência de notícias sul-coreana Yonhap.

Ri é a segunda maior autoridade da Coréia do Norte nas negociações em curso com Coréia do Sul, EUA, Japão, Rússia e China.

No mês passado a Coréia do Norte fechou por completo seu reator Yongbyon, que produz plutônio para armas, em troca de 50 mil toneladas de petróleo pesado. Foi a primeira fase de um acordo fechado em 13 de fevereiro.

A Coréia do Norte também convidou um time de inspetores da Organização das Nações Unidas (ONU) para que regresse ao país para verificar o fechamento da unidade e para delinear acordos de supervisão.