Israel ajuda a mandar refugiados palestinos de Gaza ao Egito

REUTERS

EREZ - Israel ajudou nesta quarta-feira a entrada de diversos palestinos no Egito, fugindo de militantes do Hamas em Gaza, após passarem dias em um posto de fronteira, relataram testemunhas e militares.

Uma testemunha ouvida pela Reuters viu ônibus fornecidos pelo Exército transportando cerca de 100 palestinos, saindo de Erez e cruzando a fronteira Israel-Egito.

Uma porta-voz militar israelense disse que os passageiros entrariam no Egito sob acordo feito com o governo de Cairo.

Os palestinos estavam entre as cerca de 120 pessoas ligadas ao Fatah que fugiram de possíveis retaliações após militantes do Hamas terem dominado toda a Faixa de Gaza.

Israel havia primeiramente barrado o pedido de palestinos para sair de Gaza através de seu território, citando preocupações de que pudesse haver militantes entre os refugiados.

Mas a medida foi revista nesta quarta-feira após o ministro da Defesa, Ehud Barak, ter dado ordens para que feridos fossem levados para tratamento em Israel.