Edifício desaba na China e dezenas de aposentados ficam presos

Agência EFE

CHINA - O desabamento de um edifício no sudoeste da China deixou nesta quarta-feira dezenas de aposentados presos entre os escombros, embora as autoridades não tenham informado até agora de nenhuma vítima mortal, segundo a agência oficial de notícias Xinhua.

O desmoronamento, de causas ainda desconhecidas, aconteceu esta manhã na cidade de Leshan, na província de Sichuan. No local, 100 pessoas, em sua maioria aposentados, assistiam a uma conferência organizada por uma publicação sobre saúde e por uma companhia farmacêutica.

O edifício de dois andares foi construído em 1959 e a maioria de suas atividades era para a terceira idade, como bailes de salão.

As equipes de resgate conseguiram salvar 30 sobreviventes, que foram hospitalizados, segundo o porta-voz do serviço de segurança local.

Um vizinho do edifício disse que viu pessoas saírem do prédio com suas roupas cobertas de pó. O Governo local reconhece que ainda não têm um número exato de vítimas.