Parlamento japonês amplia prazo de sanções à Coréia do Norte

Agência EFE

JAPÃO - O Parlamento japonês aprovou nesta sexta-feira a decisão do Governo de estender durante seis meses a proibição aos navios de bandeira norte-coreana de entrar nos portos do Japão, informou a agência "Kyodo".

As sanções foram impostas no dia 11 de outubro do ano passado, em resposta ao teste nuclear que o regime norte-coreano tinha realizado dois dias antes.

O Senado aprovou nesta sexta-feira por unanimidade a decisão do Governo japonês, ratificada pela Câmara na última terça-feira.

Após o lançamento de vários mísseis norte-coreanos em julho de 2006, o Governo japonês proibiu a entrada nos portos do país do navio Mangyongbong-92, que fazia a única linha de passageiros que unia Coréia do Norte e Japão.

Após o teste nuclear de outubro, o Japão estendeu a proibição a todos os navios e à importação de produtos norte-coreanos. Além disso, vetou a entrada no país de cidadãos da Coréia do Norte.