Começa missa de corpo presente na Catedral de Cristo Redentor

Agência EFE

MOSCOU - A missa de corpo presente em memória do ex-presidente da Rússia Boris Yeltsin começou na Catedral de Cristo Salvador, em Moscou, na presença das principais autoridades do país e de várias personalidades e altos funcionários de instituições e Governos estrangeiros.

A cerimônia religiosa é transmitida ao vivo pelas principais redes de televisão do país.

Do principal templo da Igreja Ortodoxa Russa, o féretro com os restos mortais de Yeltsin será levado ao cemitério de Novodevitchy, onde será sepultado.

Entre os chefes de Estado que assistem à cerimônia, estão os presidentes do Cazaquistão, Nursultan Nazarbayev; de Belarus, Alexander Lukashenko; da Estônia, Toomas Hendrik Ilves; e da Lituânia, Valdas Adamkus.

Também estão presentes o presidente da Alemanha, Horst Köhler; o príncipe Andrew, também duque de York, que representa o Reino Unido; e a comissária de Relações Exteriores da Comissão Européia, Benita Ferrero-Waldner.

O funeral de Yeltsin é acompanhado ainda pelos ex-presidentes americanos Bill Clinton e George Bush, assim como pelos ex-mandatários da Ucrânia Leonid Kuchma; da Lituânia Algirdas Brazaukas e da Letônia Guntis Ulmanis.