ASSINE
search button

Soldados dos EUA matam 4 em microônibus no Iraque--testemunhas

Compartilhar

Reuters

BAGDÁ - Soldados dos Estados Unidos à procura de um militar norte-americano sequestrado abriram fogo nesta quinta-feira contra um microônibus no Iraque, matando quatro passageiros no distrito de Sadr City, em Bagdá, disseram policiais e testemunhas.

O porta-voz do Exército, o coronel Christopher Garver, afirmou que o veículo ignorou sinais e tiros de advertência dos soldados dos EUA, que haviam bloqueado a área enquanto revistavam uma casa e prendiam cinco suspeitos. Ele disse que não tinha número de vítimas.

Moradores disseram à Reuters que os passageiros eram trabalhadores e não militantes. Oito pessoas ficaram feridas quando o veículo foi atingido por uma rajada de metralhadora.

Cerca de 3.000 soldados dos EUA e forças iraquianas lançaram uma caçada em Bagdá em busca do soldado norte-americano nascido no Iraque, capturado em 23 de outubro.

Eles concentram os esforços em Sadr City, reduto da milícia Exército Mehdi, do clérigo muçulmano xiita Moqtada al-Sadr, a quem se atribui alguns dos atos mais violentos na capital.

Na terça-feira, quatro pessoas foram mortas, incluindo um bebê, em um ataque aéreo norte-americano durante ação em Sadr City para capturar sete suspeitos de envolvimento no sequestro do soldado, chamado Ahmed Altaie