Quatro civis e 1 atirador foram mortos durante ataques em Viena, afirmam autoridades

Até o momento, 18 pessoas ficaram feridas nos ataques da última noite, informam médicos austríacos

Reuters / Leonhard Foeger
Credit...Reuters / Leonhard Foeger

Até o momento, 18 pessoas ficaram feridas nos ataques da última noite em Viena, informam médicos austríacos.

O ministro do Interior da Áustria, Karl Nehammer, informou que o atirador morto era militante do Estado Islâmico. Para não prejudicar a investigação, as autoridades não forneceram informações dobre a identidade do agressor.

"O atirador fazia parte do grupo terrorista Daesh [organização terrorista proibida na Rússia e em outros países]", afirmou o ministro durante conferência de imprensa em Viena.
Nehammer ressaltou que o autor do ataque portava um fuzil, bem como um cinto com explosivos falsos.

As autoridades de Viena pediram para que as pessoas permanecessem em suas casas após os atentados.

Os atiradores abriram fogo em seis locais diferentes no centro de Viena nesta segunda-feira (2), inclusive perto de uma sinagoga. Um agressor foi neutralizado e morto pela polícia.

De acordo com o ministro do Interior, pelo menos um dos atiradores continua em fuga após o atentado.

O chanceler austríaco, Sebastian Kurz, informou que a operação especial de busca dos atiradores vai durar algumas horas. Segundo ele, a capital austríaca permanece sob ameaça terrorista.

O prefeito de Viena, Michael Ludwig, confirmou que houve 15 feridos após os ataques. Todos foram hospitalizados. Ele também informou que uma segunda vítima havia morrido. (com agência Sputnik Brasil)