Maduro diz que haverá grande marcha para dizer não ao golpismo e à interferência ianque

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, publicou em uma rede social que haverá uma grande marcha para celebrar o Dia do Trabalho e rejeitar o golpismo.

"Hoje a classe trabalhadora se mobiliza em todo o país para celebrar seu dia e defender suas conquistas, com uma grande marcha que dirá não ao golpismo e não à interferência ianque. Nervos de aço, calma e prudência!, publicou, no fim da manhã desta quarta-feira (1º).

Macaque in the trees
Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro (Foto: Palácio de Miraflores/Divulgação via REUTERS)