Ministros do G-7 pedem fim de operações militares na Líbia

Os ministros das Relações Exteriores do G-7 convocaram todos os envolvidos nas operações militares próximas a Trípoli a interromper imediatamente toda a atividade e movimento na área da cidade da Líbia. Em comunicado conjunto emitido do resort francês de Saint-Malo, graduados diplomatas de Canadá, França, Alemanha, Itália, Japão, Reino Unido e Estados Unidos afirmaram que as operações estavam "atrapalhando as perspectivas de um processo político liderado pela ONU, colocando civis em perigo, e prolongando o sofrimento do povo líbio".

Os ministros disseram acreditar firmemente que não há solução militar para o conflito da Líbia. Além disso, reiteraram seu apoio à Organização das Nações Unidas para levar os líbios a eleições pacíficas, como decidido por lideranças líbias em Paris em maio de 2018 e em Palermo em novembro do ano passado. Fonte: Associated Press.