Venezuela espera a chegada de novas missões militares russas

A Venezuela deseja reforçar a cooperação militar com Moscou e espera a chegada de novas missões militares russas, anunciaram nesta quinta-feira autoridades de Caracas.

"Cooperamos com a Rússia em muitos setores, um deles o da defesa", afirmou o ministro venezuelano do Planejamento, Ricardo Menéndez, citado pela agência Interfax, durante o fórum Rússia-Venezuela em Moscou.

Em março, dois aviões russos com 99 militares e 35 toneladas de material desembarcaram em Caracas, de acordo com a imprensa.

No mesmo mês a Rússia inaugurou um centro de formação de pilotos de helicópteros.

"Tínhamos uma cooperação militar, temos e continuaremos reforçando", disse Menéndez.

O vice-ministro venezuelano das Relações Exteriores, Yvan Gil, afirmou que novas missões militares russas estão previstas no país.

"Novas missões militares vão chegar no âmbito dos acordos já assinados", afirmou Gil à agência RIA Novosti.

Rússia e Venezuela assinaram em 2011 um acordo de cooperação militar que prevê a venda de armas russas à Venezuela, financiada por créditos russos.

mp/rco/tbm/zm/mb/fp