Braço do Boko Haram afiliado ao EI publica vídeo com execuções de reféns

O grupo Estado Islâmico na África Ocidental (ISWAP), braço do Boko Haram afiliado ao Estado Islâmico, divulgou nesta terça-feira um vídeo em que mostra combatentes executando cinco membros das forças de segurança nigerianas.

Este vídeo, datado de 1 de abril e filmado no estado de Borno (nordeste da Nigéria), segundo combatentes do ISWAP, foi publicado online pela agência de propaganda do grupo Amaq.

Nas imagens aparecem dois homens com uniforme do exército nigeriano e três vestindo o mesmo traje laranja usado pelo EI no Iraque e na Síria.

Todos os cinco foram mortos por balas disparadas a queima roupa.

Segundo fontes contatadas pela AFP, três das cinco vítimas são membros das milícias civis que lutam contra o Boko Haram ao lado do exército.

O ISWAP realizou uma ofensiva na região de Baga (Lago Chade), no norte de Borno, em dezembro passado e conseguiu controlar esta cidade por vários dias antes da incursão do exército nigeriano.

O conflito na Nigéria causou mais de 27.000 mortes desde 2009 e 1,8 milhão de pessoas ainda não podem voltar para suas casas.