Secretário de Estado americano visitará Israel antes de eleições

O secretário de Estado americano, Mike Pompeo, visitará Israel antes das eleições de 9 de abril, mas não participará da política interna do país, assinalou nesta terça-feira (5) o Departamento de Estado.

Pompeo disse na segunda-feira durante um encontro com estudantes no estado de Iowa que planejava visitar Líbano, Israel e Kuwait "na semana que vem".

O Departamento de Estado, sem dar datas específicas, assegurou que a viagem foi planejada para um pouco mais tarde, mas, em qualquer caso, será realizada antes das eleições israelenses.

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, enfrenta uma dura batalha eleitoral enquanto se defende na Justiça de acusações de suborno, fraude e abuso de confiança.

Robert Palladino, porta-voz do Departamento de Estado americano, declarou que a viagem de Pompeo não estava destinada a enviar nenhuma mensagem política.

"Israel é um aliado", disse Palladino. "Não vamos nos envolver na política interna de outro país", afirmou, assegurando que os detalhes do itinerário serão anunciados em breve.

Sobre o Kuwait, Pompeo havia planejado ir para lá em janeiro, mas se viu obrigado a interromper sua viagem de oito dias ao Oriente Médio por motivos familiares.

"Isso é, em grande medida, uma continuação dessa viagem anterior, do diálogo estratégico (Estados Unidos-Kuwait)", indicou o porta-voz.