Soldados israelenses ferem 32 palestinos

Pelo menos 32 palestinos foram feridos nesta sexta-feira por tiros disparados por soldados israelenses durante incidentes na fronteira de Israel com a Faixa de Gaza, anunciou o Ministério da Saúde.

Segundo o porta-voz desse ministério, Achraf al-Qodra, 32 palestinos foram feridos a tiros, embora nenhum deles corra risco de morte.

Por sua vez, o Exército israelense afirmou que "cerca de 10.000 manifestantes" se concentraram em diferentes pontos ao longo da barreira que separa Israel de Gaza.

A Faixa de Gaza é palco de protestos semanais desde março de 2018.

Pelo menos 246 palestinos foram mortos por disparos de arma de fogo israelenses, a maioria deles nas proximidades da fronteira e em ataques israelenses em retaliação ao que consideram atos hostis de Gaza.

Nesses confrontos, dois soldados israelenses também morreram.

Israel acusa o movimento islâmico Hamas, no poder em Gaza, de atiçar os protestos, e diz que se limita a defender sua fronteira.

 

az-jod-dms/hj/ahg/me/mr