Trump diz que há menos de 50% de chance de negociação no Congresso ter acordo

O presidente Donald Trump afirmou neste domingo, 27, ao Wall Street Journal, que não acredita que as negociações no Congresso vão resultar em um acordo com a previsão de construção de um muro na fronteira com o México, e prometeu fazer a obra mesmo assim, utilizando poderes emergenciais, caso necessário.

Segundo o presidente americano, há menos de 50% de chances de o grupo de 17 parlamentares envolvidos na negociação fechar um acordo antes de encerrado o período em que o orçamento do governo está garantido - menos de três semanas. "Eu pessoalmente penso que (a possibilidade de acordo) é de menos de 50-50, mas há muitas boas pessoas na negociação."

Milhares de funcionários da máquina federal americana vão voltar ao trabalho nesta segunda-feira, 28, após a paralisação parcial do governo, que durou 35 dias, ter se encerrado na sexta-feira. Trump não conseguiu o que queria ao precipitar a paralisação - os US$ 5,7 bilhões para construir o muro na fronteira.

Perguntado se aceitaria menos do que US$ 5,7 bilhões para a obra, Trump respondeu: "Eu duvido. Eu preciso fazer (o muro) direito".